Hamurábi – o rei da Babilônia


Cinco séculos depois, Hamurabi (1792 a 1750 a.C.) fundou o primeiro império mesopotâmico. O rei Hamurabi, que governou a cidade da Babilônia – a Babel, citada na Bíblia – entre os anos 1792 a.C. e 1750 a.C., mandou gravar na pedra seus poderes e suas obras. É um exemplo do poder na Antiguidade.

Como Hamurabi se descreveu?

Abaixo, é possível ler um trecho de um texto deixado pelo próprio Hamurabi em seu código de leis. Nele, podemos identificar como o próprio rei se identifica para a sociedade. Percebam que, segundo o texto, o rei é próximo dos deuses e sua sabedoria possibilita trazer fartura de alimento para o povo e riqueza para seu trono. Portanto, é o rei cuja vontade divina deve ser obedecida.

“Eu sou Hamurabi, aquele que acumula opulência e prosperidade,conquistador dos quatro cantos da terra,[…] aquele que supriu seu povo com a água, Que amontoou riquezas para Anu e Ishtar, Aquele que encheu de abundância os templos, […]

Eu sou o primeiro dos reis, aquele que dominou as regiões do Eufrates, aquele que salvou seus homens da desgraça,aquele que estabeleceu suas regras na Babel em paz, aquele cujas obras agradam a Ishtar, deusa do amor e da guerra, aquele que dirige os povos. Eu sou o rei forte, o sol da Babel, […] o rei que traz obediência aos quatro cantos da terra, O protegido da deusa Ishtar.”

Emanoel Bouzon. O Código de Hamurabi. Petrópolis: Vozes, 1986.

O Código de Hamurabi

O rei Hamurabi ficou conhecido por achados arqueológicos que remetem a um conjunto de leis que ele teria feito. Com o passar dos anos, os arqueólogos e historiadores compreenderam que Hamurabi, na realidade, foi responsável por reunir em um código uma série de leis que já existiam. Ele necessitava padronizar a forma de legislar e governar seu império, formado por vários reinos conquistados por ele e seus exércitos. Eram muitas atividades para coordenar, ao mesmo tempo que era preciso resguardar quea justiça fosse feita a toda população.

—O conjunto de leis mais famoso da época é o código de Hamurabi: tratava de regras e punições para assuntos de família, terra, comércio, propriedade, herança, escravos, etc. E, tinha por base as —Leis de Talião: “olho por olho, dente por dente”.
Anúncios

Sobre Blog de História para o 6º ano

Este é um blog com conteúdo didático do 6º ano de História, elaborado pela professora Renata Telha.

Publicado em 22/09/2011, em História Antiga - Mesopotâmia e marcado como , , , , . Adicione o link aos favoritos. 3 Comentários.

  1. Gabriela Furtado

    É ótimo mais poderia ser melhor, dizer quem Hamurábi foi, oque ele fez no seu império etc.
    Cabeça é pra pensaar!!

  2. keke nunes

    obggggggg vcs me ajudaram mt

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: